TURISMO EM ARRAIAL D'AJUDA

Em Arraial d´Ajuda, é praia é o cenário de quase todos os programas, sejam eles relaxantes ou divertidos. Até mesmo os culturais, como uma visita ao Largo da Ajuda e sua igrejinha, têm o mar como pano de fundo. A paisagem só muda à noite, quando o colorido da arqutetura e decoração rústica - à altura - o azul das águas.

CENTRO HISTÓRICO: O centro histórico da vila, tombado pelo Iphan, compreende a singela igreja Matriz de Nossa Senhora da Ajuda, erguida em 1551 e que abriga um mirante que descortina toda a Estrada da Balsa e o encontro do rio Buranhém com o mar. A construção, que fica em frente a uma praça, é emoldurada por casinhas simples e coloridas.

GASTRONOMIA: Chefs nacionais e grandes nomes da cozinha internacional transformaram Arraial d´Ajuda num dos maiores nomes da gastronomia voltada ao turista que quer aprecia "la belle cuisine". Restaurantes típicos, charmosos, aconchegantes e exóticos tornam qualquer paladar inesquecível.

VIDA NOTURNA: Em épocas de agito a noite do Arraial é um fervilhar de gente bonita. Vai-e-vem pela Brodway, Rua do Mucugê e Praias. Os restaurantes são os principais atrativos, uma vez que sempre há música ao vivo.

ESPORTES E ECOTURISMO: Parques Ecológicos, Náutica, Parapente, Quadricíclo, Ciclismo, Trilhas, Kite-Surf entre outras atividades para os amantes da natureza, aventura e eco-turismo.

ALDEIAS INDÍGENAS: Entre as trilhas de Arraial d`Ajuda e das vilas vizinhas, há quase uma dezena de tribos indígenas. Estas são geralmente habitadas por pescadores e artesãos. Jaqueira, Vila de Itaporanga, Imbiriba e Barra Velha são exemplos de agrupamentos indígenas que podem ser visitados.

ARREDORES: Foi aqui que tudo começou. Para quem quer descobrir o que os portugueses encontraram quando entraram em terras brasileiras, tem que visitar as cidades que formam o pólo turístico da Costa do Descobrimento.