Trancoso
     

A REGIÃO l COSTA DO DESCOBRIMENTO

Cercada por diversos atrativos naturais como praias, baías, recifes de corais, manguezais e rios navegáveis,  a região possui condições para a prática do turismo de aventura e ecoturismo.

Considerada o berço da história e da cultura do Brasil, a Costa do Descobrimento foi tombada como Patrimônio Natural Mundial pela Unesco, em 1999. Cercada por diversos atrativos naturais – como praias, baías, enseadas, falésias, recifes de corais, manguezais e rios navegáveis – a região possui condições favoráveis para a prática do turismo de aventura e ecoturismo.

Diversas praias paradisíacas encantam os visitantes do local. Em Porto Seguro, as mais visitadas são Tacimirim, Taperapuã e Mundaí; em Cabrália, destacam-se Coroa Vermelha, Mutary e Arakakaí; Trancoso tem as praias de Nativos dos Coqueiros e do Nudismo como boas opções para banho; em Arraial d’Ajuda, as praias do Delegado, Mucugê e Parracho chamam atenção; quem visita Caraíva não pode deixar de conhecer a praia do Espelho, que, localizada no meio de uma falésia, está entre as dez melhores do Brasil; na Costa do Descobrimento encontram-se, ainda, as praias de Santo André, das Tartarugas e de Santo Antônio, também muito procuradas.

As belezas naturais são reconhecidas pelos visitantes, principalmente entre praticantes de esportes radicais, que parecem ter um contato mais próximo com tais atrativos. Durante os passeios de ultraleve é possível admirar toda a beleza da região em um ângulo diferenciado. A Costa do Descobrimento reserva pontos ideais para a prática do mergulho, windsurfe, surfe, kitesurfe, trekking, cavalgadas, dentre outros. Vale ressaltar que a diversão não acaba por aí.

A região tem uma vida noturna bem diferenciada. Ao contrário do que acontece na maioria das áreas litorâneas, onde os programas realizados de dia são mais atrativos do que os realizados à noite, na Costa do Descobrimento o lazer noturno também é ponto de destaque. O turista já não sabe mais se vai preferir aproveitar o dia ou a noite. Na maioria das vezes, ele acaba aproveitando o máximo que pode dos dois, mostrando que, durante as visitas, dormir não é a prioridade.

Os horários são tão atípicos que, em muitas cidades da região, o comércio funciona durante a madrugada, com venda de roupas, artesanato, etc. Os eventos promovidos pelas casas de shows, barracas de praia e boates, que sempre terminam ao amanhecer, garantem a diversão madrugada adentro.

Diversão que nunca cessa. Há mais de 500 anos essa região recebe a visita de diversos desbravadores, em busca dos mais inusitados produtos. Nos tempos atuais, os desbravadores são mais conhecidos como “turistas”, que buscam altas doses de adrenalina e muita história, em um cenário composto por sol, mar e muita tranquilidade.

Arraial d'Ajuda vista aérea
Vista aérea
Praia da Pitinga Arraial d'Ajuda
Pitinga
Arraial d'Ajuda passeio Recife de Fora
Recife de Fora
Arraial d'Ajuda Rio Buranhém
Rio Buranhém
Arraial d'Ajuda Eco Resort
Apaga-Fogo
Arraial d'Ajuda Eco Parque
Eco Parque
Arraial d'Ajuda Eco Parque
Eco Parque
Praia do Taípe Arraial d'Ajuda
Taípe
Arraial d'Ajuda passeio Itaquena
Itaquena
Arraial d'Ajuda passeio Caraíva
Caraíva
Praia do Rio da Barra Arraial d'Ajuda
Rio da Barra
Arraial d'Ajuda gastronomia
Gastronomia
BELMONTE: Num cenário encantador entre o imponente rio Jequitinhonha e o mar, está a vila de Belmonte, destino preferido daqueles que apreciam um belo pôr do sol e a natureza exuberante dos manguezais. A vila anteriormente habitada por índios Botocudos recebeu este nome em homenagem a cidade natal do navegador Pedro Álvares Cabral.
MOGIQUIÇABA: Banhada pelo rio de mesmo nome, Mogiquiçaba guarda os encantos de um local de mata atlântica e manguezais exuberantes, talvez o cenário mais próximo daquele visto por Cabral em 1500. É o destino mais procurado por surfistas e aventureiros.
GUAIÚ: O lugar que ainda possui estrutura bem rústica, é mágico e proporciona contato intenso com a natureza, seja admirando sua extensa área verde ou mesmo apreciando o belo encontro do rio com o mar.

SANTO ANTÔNIO: Um lugar que abriga uma importante área de mata atlântica preservada, o vilarejo ainda guarda traços da cultura nativa seja nos costumes dos índios Pataxó que habitam a aldeia de Mata Medonha ou mesmo em sua pacata vila onde pescadores praticam a pesca do robalo – peixe abundante na região.

SANTO ANDRÉ: Charme é o que não falta nesta pequena e florida vila onde moradores buscam contato intenso com a natureza e com a arte de forma bastante criativa: há o cineclube que promove sessões de cinema com pipoca ao ar livre, em cenários bastante inusitados com telões instalados na praia ou em um cajueiro na beira do rio.

SANTA CRUZ CABRÁLIA: Um lugar que abriu suas portas para o verdadeiro encontro de culturas iniciado em 1500 com a chegada da frota de Cabral, o próprio nome já traduz sua importância na Costa, por ter sido escolhido como o local de desembarque da frota vinda de Portugal.

COROA VERMELHA: O local escolhido para ser palco da primeira missa do Brasil, realizada por Frei Henrique de Coimbra em 26 de abril de 1500, ainda guarda fortes indícios do encontro de culturas iniciado naquele ano.

PORTO SEGURO: Naquela ensolarada Páscoa de 1.500 foi avistado o Monte Pascoal: primeiro sinal de terra no horizonte deste local em que a beleza exuberante da natureza, a receptividade dos nativos e o deslumbramento dos visitantes retratavam o encontro de um verdadeiro paraíso tropical.

TRANCOSO: A charmosa vila de Trancoso, à 24 km ao sul de Arraial d´Ajuda é um dos mais especiais refúgios da região. Fundada pelos jesuítas em 1586 como aldeia São João Batista dos Índios, o local foi uma das primeiras aldeias escolhidas para colonizar a Costa e garantir a defesa e abastecimento.

CARAÍVA: A vila de Caraíva foi fundada por colonos portugueses após a chegada de Pero Campos Tourinho - primeiro donatário da capitania de Porto Seguro, que desembarcou na região em 1535. Mas devido ao difícil acesso, poucos colonizadores chegaram à região garantindo a preservação de boa parte da população indígena.
BALEIAS JUBARTE : Entre julho e outubro, esta região da Bahia é escala na rota das baleias-jubarte / ou baleias-cantoras. Você não precisa ir até Abrolhos para avistar estes belíssimos mamíferos. Existem agências e opoeradoras que saem de Arraial d'Ajuda para levar você a este fascinante passeio.
MONTAIN BIKE : Passeios de bicicletas por trilhas ecológicas. Há caminhos de 30 a 70 quilômetros e excursões noturnas que só acontecem em noites de lua cheia e com bikes equipadas com faróis alógenos. Entre os roteiros desta atividade estão o Trancoso/Espelho, de 32 quilômetros, com a volta em uma van, e o Trancoso/Espelho/Trancoso, de 64 quilômetros, com a ida e a volta na bike.
PARAPENTE: O vôo de parapente em Pitinga é sensacional, os pilotos Locais são pessoas muito receptivas e dão todas as dicas necessarias a um voo seguro, os instrutores e pilotos de duplo locais estão sempre muito solicitos e dominam uma boa técnica de vôo em falésia , o que torna o voo agradavél e seguro para todos.
KITE SURF - VELA - WIND: Arraial D’Ajuda é um lugar ideal para os amantes dos esportes aquáticos. O vento do nordeste permite a navegação em barcos de vela e também do kite surf e wind surf. A praia de Araçaipe é uma das mais baladadas para a prática de Kite, você pode tomar aulas deste esporte com instrutores qualificados.
NÁUTICA - MARINA: Marina Quinta do Porto serve como base para navegantes do mundo todo, afinal a região denominada Porto Seguro recebeu sua primeira expedição há mais de 500 anos, a frota de Cabral. Solicitamos entrar em contato com a base para efetuar a reserva devido a grande demanda.
ARRAIAL D'AJUDA ECO PARQUE: Venha conhecer o maior parque aquático da América Latina, e único ecológico, o Arraial D'Ajuda Bahia Eco Parque está localizado em uma reserva natural de Mata Atlântica, frente à Praia de Mucugê, uma das mais belas da região. Possui 160.000 m2, sendo 60 mil de área construída, com capacidade para receber milhares de pessoas.
MERGULHO: Com apenas 10 ou 15min de navegagação em uma voadeira, chega-se a diversos pontos de mergulho. A região é dotada de diversos bancos de corais, peixes ornamentais e de passagem, locais com profundidades rasas, sendo excelentes para mergulhadores Open Water (Básico).
PISCINAS NATURAIS RECIFE DE FORA: Com status de Parque Marinho e protegido por uma lei municipal, Recife de Fora tornou-se um dos melhores points para mergulho da região. Por lá estão espécies raras de corais, como o cérebro e o fogo; além de peixes, moluscos e tartarugas visíveis com máscara e snorkel.
ALDEIA INDÍGENA: Em Arraial d’Ajuda, encontra-se a reserva indígena da Aldeia Velha. Um verdadeiro oásis, para desfrutar da natureza e do convívio com o cativante povo Pataxó. A recepção dos visitantes é calorosa e nos faz sentir super à vontade e totalmente integrados.
TREKKING - TRILHAS: Além das paradisícas praias, Arraial d'Ajuda oferece muitas opções de trilhas em meio a vegetação ainda virgem. Procure um guia especializado e conheça esses encantos.

CLIQUE AQUI E VEJA AQUI AGÊNCIAS E OPERADORAS