Hotel PousadaHotel PousadaPasseiosPraias NoiteTaxiOnde comerHospedagemCotação
Menu principal

HISTÓRIA  l  ARRAIAL D'AJUDA ™


Arraial d'Ajuda é o primeiro Santuário Mariano do Brasil, fica localizado a 05 quilômetros de Porto Seguro, no Arraial d'Ajuda, na Costa do Descobrimento, cerca de 750 km de Salvador. O Arraial de Nossa Senhora foi uma homenagem a Tomé de Souza e aos primeiros jesuítas que aqui chegaram em 1549, com suas 03 naus: Conceição, Salvador e Ajuda, que viriam a ser nomes de cidades e de suas primeiras igrejas. O Arraial não participou da chamada "rede urbana do século XVI" como Porto Seguro e Cabrália. Antes da construção da capela de palha só havia um planalto com uma plantação de um canavial. 

História do Arraial

O famoso pregador jesuíta, José de Anchieta, escreveu no início do século XVI sobre o "sonoro brando sussurro da água que milagrosamente jorrou de uma fonte, fora do frontispício da igreja, ao pé de uma frondosa árvore, quando o Pe. Francisco Pires celebrava ali o santo sacrifício da missa".Além de Anchieta, outros autores apresentam várias versões sobre o milagre d'água, entre eles, o Pe. Simão de Vasconcelos na sua "Crônica da Companhia de Jesus no Estado da Bahia", na edição de 1864 escreve: “Um lenhador, habitante de um rancho calmoso à aureola da costa, subindo certo dia o ápice da montanha, de repente topou surpreso em um calhau; era a milagrosa santinha.

Tornando-se um ermitão, peregrinava em torno, fazendo curas milagrosas, cujos proventos se destinavam ao levantamento de uma igreja, a que deu o nome de Nossa Senhora d’Ajuda”.Existe uma outra lenda: "vendo um irmão um tronco de uma árvore muito grande junto à ermida, pediu a Nossa Senhora o milagre de lhe dar água naquele lugar. Pe. Nóbrega, que estava presente disse: "mais podia a Senhora". Quando todos foram à missa, no meio do santo sacrifício, arrebentou de súbito um grande jorro de água no lugar assinalado no tronco da árvore, junto ao altar de Nossa Senhora".Uma outra versão diz: "No alto de uma planície, morava um fazendeiro que não gostava de ver passar pelas suas terras, aqueles religiosos, que iam e viam carregando a água. Um dia, não suportando mais a invasão, determinou a proibição dessa passagem. Logo os fiéis não pararam de rezar, a suplicar pelo milagre de uma fonte de água, para seu trabalho, sua sede, o que, num momento, aconteceu em plena hora da missa. E o fazendeiro, arrependido, resignou-se à religião cristã e comungou com os fiéis, unindo-se a eles".Segundo o Pe. Serafim Leite, na sua "História da Companhia de Jesus", edição 1945, afirma que foi Vicente Rodrigues o descobridor da fonte. “Foi no tempo da construção da primeira casa. Estando lá 02 padres, Vicente Rodrigues e Francisco Pires, quis o próprio Deus; e a terra se abriu e surgiu a mais famosa fonte que até agora há naquela terra”.Dentro desta atmosfera mística, em meados dos anos 70, a onda alternativa balançava as estruturas convencionais: mochila nas costas, um mundo a reinventar, jovens em busca de um sonho, que enfim, encontraram em Arraial o lugar perfeito, gente nativa amavelmente receptiva e uma natureza exuberante.

A partir de então, muitos que aqui passaram, resolveram fixar raízes, trabalhando e contribuindo para que este paraíso fosse se tornando no que é hoje: rota da trilha de viajantes de todo o planeta , o que dá ao Arraial uma cara pitoresca e universal.

História do Arraial

História do Arraial


.